A Casa 1, centro de acolhida LGBTs, não fechará mais as suas portas. Assim como noticiamos na semana passada, o fundador do local, Iran Giusti, afirmou que encerraria as atividades da casa no final deste ano. Contudo, devido à grande divulgação nas redes sociais e com a ajuda de diversos artistas LGBTQI+, a casa já conseguiu arrecadar mais de R$ 90 mil!

Segundo Iran, em entrevista ao Põe na Roda, sua meta agora é aumentar a capacidade de atendimento e efetivar a contratação de todos os seus colaboradores, além de garantir o funcionamento do espaço até o fim do ano de 2020.

“É muito mais forte e seguro para nós que tenhamos 10 pessoas doando R$ 10 reais do que uma doando R$ 100 reais. Isso garante que mesmo uma pessoa deixando de contribuir, as contas não ficam tão em aberto, ao contrario de um doador de R$ 100 reais que desista de nos ajudar por qualquer razão”, explicou. “Muitos acham que tão pouquinho como R$ 10 reais não ajuda, mas ajuda sim!”.

Para continuar ajudando, clique aqui.

Foto: Reprodução