Foi prorrogado até a próxima quinta-feira, 3, as inscrições para o casamento coletivo igualitário, voltado para LGBTIs (lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e intersexuais) de São Paulo. O evento ainda não tem uma data confirmada, mas está previsto para ocorrer na primeira quinzena de novembro no centro da cidade

Em 2017, aconteceu o primeiro casamento coletivo LGBTI, como parte da campanha “São Paulo com Respeito”, com o fim de resgatar a dignidade desses casais. Por mais uma vez, a ação ocorrerá em São Paulo (SP) e os trâmites já foram iniciados.

Nesse ano, o Casamento Coletivo Igualitário, foi implementado pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania. Também se contou com o intermédio da Coordenação de Políticas para LGBTIs. Esse grande evento está previsto para acontecer em algum(ns) dos quinze dias de novembro de 2019.

Os casais — lésbicos, gays, intersexuais, transexuais e afins — poderão se inscrever entre os dias 19 e 26 de setembro, em um dos Centros de Cidadania LGBTI. Para isso, é preciso levar certidão de nascimento (atualizada) do casal, RG de ambos, comprovante de residência e cópias da carteira de trabalho. As informações são de Ricardo Olímpio Bezerra, assessor técnico da Coordenação de Políticas para LGBTI.

Endereços dos Centros de Cidadania LGBTI:

Centro de Cidadania LGBTI Luiz Carlos Ruas (Região Central)

Rua General Jardim, n° 660 – sala 32 a

Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis (Região Norte)

Praça do Centenário, 43 – Casa Verde

Centro de Cidadania LGBTI Laura Vermont (Região Leste)

Avenida Nordestina, 496 – São Miguel Paulista

Centro de Cidadania LGBTI Edson Neris (Região Sul)

Rua São Benedito, 408 – Santo Amaro

Foto: Reprodução